P1090924

Roteiro de 2 dias em Barcelona – Dia 1

Conheci a Espanha durante um “mochilão” que estava fazendo pela Europa em 2012. Meu noivo e eu fomos em um vôo da Polônia para a Espanha. O roteiro pelo Leste Europeu já foi relatado por aqui. Quem quiser maiores informações pode entrar na sessão de viagens do blog.

Barcelona foi o primeiro destino da Espanha. A capital catalã é muito peculiar, com uma arquitetura diferente e encantadora. Boa parte dessa impressão poderosa é fruto da criatividade e ousadia de arquitetos como Gaudí e Domènech i Montaner. Pelas ruas há uma mistura de diferentes culturas. Casarões antigos e muralhas são a prova de que há muita história a ser conhecida no lugar e isso se mistura com fachadas de deslumbrante contemporaneidade.

Como chegamos à noite na cidade, pegamos o metrô e fomos direto para a casa do Marçal, que nos hospedou em seu apartamento através do CouchSurfing, projeto que já foi explicado por aqui.

O passeio começou para valer no dia seguinte. Como a casa do Marçal era próxima do nosso primeiro ponto, conseguimos caminhar até lá, aproveitando para conhecer as ruas da cidade. No primeiro dia conhecemos: 1. Sagrada Família, 2. Casa Milà, 3. Casa Batlló, 4. Plaça Catalunya, 5. Rambla, 6. Boqueria, 7. Palau Guell, 8. Monumento a Colombo, 9. Porto Vell.

1. Sagrada Família: Desenhada pelo arquiteto catalão Antoni Gaudí, e considerada por muitos críticos como a sua obra-prima e expoente da arquitetura modernista catalã, a Sagrada Família é um templo completamente diferente de qualquer outro que você já viu na vida. O lugar impressiona pela arquitetura e imponência. Iniciado em 1882, a construção ainda não foi concluída. Foi durante a sua construção que Gaudí faleceu, aos 72 anos de idade, vítima de atropelamento, deixando a obra inacabada.

P1090924

Sagrada Familia

P1090949

Detalhes da Sagrada Família

P1100024

Interior da Sagrada Família

P1090994

Visita pelas escadarias

Vista do alto da Igreja.

Vista do alto da Igreja

Este primeiro dia foi inteiro caminhando pela cidade. Saindo da Sagrada Família fomos até os próximos pontos, a Casa Milà e a Casa Batlló. Ao lado da Sagrada Família conseguimos um mapa em um ponto de informação com os principais lugares turísticos marcados.

P1100029

Pelas ruas de Barcelona

P1100037

Pelas rua de Barcelona

 2. Casa Milà: O curioso prédio de Antoni Gaudí em uma das esquinas do Passeig de Gràcia, é um daqueles casos que fazem a fama do arquiteto e podem trazer a ruína a quem o encomendou. Se até hoje as formas sem ângulos retos e fachada curva surpreendem, há mais de 100 anos, quando foi inaugurado, causou furor e polêmica. Na década de 80, estava em estado lamentável, até ser adquirido por um banco, que o restaurou e o transformou em um espaço cultural. Repare que pouquíssimas paredes são retas, observe as mirabolantes guardas das sacadas e as chaminés do terraço. No térreo há uma excelente loja com objetos de design, livros de arquitetura e suvenires diversos com temas sobre Barcelona e o próprio Gaudí. (Fonte: Guia de Viagem)

P1100073

Casa Milà

3. Casa Batlló: Uma das últimas obras de Gaudí (para muitos, a obra-prima), a Casa Battló é uma viagem alucinógena materializada em azulejos policromáticos e ferros retorcidos. Sua aparência camaleônica dá margem a “n” interpretações. Mas talvez a mais difundida seja a de que as “escamas” representam o dragão e sua chaminé, São Jorge. Também está localizada na Passeig de Gràcia. (Fonte: Guia de Viagem)

P1100078

Casa Batlló

P1100074

Pelas ruas de Barcelona

4. Plaça Catalunya: É a mais central e a maior das praças de Barcelona. Constitui o ponto de união entre o núcleo antigo da cidade e o Eixample. Da praça, partem importantes vias da cidade, como as Ramblas, o Passeio de Graça, a Rambla da Catalunha, as rondas da Universidade e de Sant Pedro, a rua Pelai e a avenida do Portal do Anjo.

P1100084

Plaça Catalunya

P1100085

Plaça Catalunya

5. Rambla: Dentre as inúmeras atividades que Barcelona oferece, uma caminhada pela longa alameda que vai da Plaça Catalunya ao monumento a Colombo, localizado junto ao porto, é um daqueles prazeres inesquecíveis. Em cada trecho de La Rambla tem um nome diferente, mas isso não importa. Sob a sombra de frondosas árvores ou no agito noturno, ao longo da Rambla se alinham cafés, restaurantes, livrarias, floriculturas e lojas diversas. Sem contar a marca registrada do local, os artistas de rua – estátuas vivas, pintores e músicos, num espetáculo que não tem hora para acabar. (Fonte: Guia de Viagem)

P1100090

La Rambla

6. Boqueria: É o mercado mais movimentado da cidade, localizado junto à Rambla. Foi a nossa opção de parada para um almoço que já estava mais para lanche da tarde.

P1100093

Boqueria

P1100096

Tendas do Mercat de Boquería

P1100099

Tendas do Mercat de Boquería

P1100108

Tendas do Mercat de Boquería

7. Palau Guell: Construído entre 1885 e 1890 no estilo modernista catalão, foi desenhado por Gaudí para servir de residência à família de Eusebi Güell. Em 1984, foi declarado patrimônio da humanidade pela Organização das Nações Unidas. Está uma rua próxima a Rambla, chamada Nova da Rambla.

P1100109

Palácio Güell

8. Monumento a Colombo: A Rambla termina junto ao porto antigo, onde o  Monumento a Colombo, aponta para o mar. Próximo dali, se encontra o Museu Marítimo de Barcelona (Museu Marítim de Barcelona), dedicado sobretudo à história naval do Mediterrâneo, mas que ficou fora do nosso roteiro, pois estávamos exaustos nesta altura do passeio.

P1100110

Monumento a Colombo

9. Port Vell: Por décadas Barcelona negligenciou sua área portuária, que ficou decadente e perigosa – especialmente o porto velho. Com a iminência da chegada dos Jogos Olímpicos de 1992, toda a área de Port Vell recebeu maciços investimentos e hoje respira um ar cosmopolita e cheio de glamour, inundado de turistas e locais. Para melhorar o acesso à região central, foi construída a Rambla del Mar, uma elegante passarela que faz as vezes de ponte levadiça para os iates estacionados na marina. Já os antigos armazéns e terrenos abandonados hoje são endereço de atrações como o l’Aquarium, o Museu de História da Catalunha, o Imax Barcelona e o Palau del Mar. (Fonte: Guia de Viagem)

P1100113

Porto de Barcelona

P1100116

Porto de Barcelona

P1100119

Porto de Barcelona

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s